Pesquise Aqui

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Um dia ainda terei mais sábados à noite...

Um dia ainda terei mais sábados à noite...

O sol hoje acordou só (um pouco mais tarde)
A preguiça matinal mandou falar-te
‘bom dia’!
Às vezes eu me esqueço de você
E recordo que a nossa relação
Tem cheiro de dupla sertaneja de quinta
À noite.
A noite fala mais alto enquanto
Eu penso que prefiro as relações de sábado.
Um beijo roubado
Um assaltante ‘bom’ e mascarado
Uma forma nua e crua de relatar a vida
Impura...
Eu não tenho culpa se o sol nasce para todos
Em clichê...
Mas a sombra e a água fresca
Impura de beber que bebemos
Nascem apenas para alguns
Em fontes finitas.
Eu poderia ter tomado outro rumo
Mas o gole seria amargo demais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário